Histórico da Oficina Nossa Senhora das Dores

De um grupo de senhoras amigas, que se reunia semanalmente, nasceu a ideia de transformar essas reuniões em uma oficina de trabalho.

A iniciativa partiu da Sra. Laila Lacerda, cuja ideia encontrou eco junto as demais amigas.

A reunião preliminar, a 22 de setembro de 1970, foi na casa da Sra. Glória Addor, onde foi escolhida a primeira diretoria, assim composta:

PRESIDENTE: Marília Allan

SECRETÁRIA: Edith Maia

TESOUREIRA: Divita Murta

A oficina contava então com 15 operárias e passou a se denominar OFICINA NOSSA SENHORA DAS DORES, em função da presidente fazer parte da paróquia do mesmo nome.

As presidentes foram:

MARIA APARECIDA FIGUEIREDO

DARCILA MALAQUINE

LYGIA MACHADO

BRANCA SABBAG

A diretoria da Oficina no ano do Jubileu de Prata da Associação:

A partir de março de 2000, até os dias atuais foram presidentes da nosso oficina, as seguintes operárias:

ELLEN SIMONETTI

NELLY MULLER

MARIA CRISTINA PAES CASTRO

DIRCE RISPOLI

SOLANGE CRIVANO LOPES

OTÍLIA SOUZA CORDEIRO

THEREZINHA AVELAR

SOLANGE CRIVANO LOPES

Nosso trabalho continua até os dias de hoje, sempre com o mesmo espírito de alegria, união e amor ao próximo.

O âmago de nossas reuniões é o resultado da boa vontade e do esforço das operárias que se dedicam a obra do bem.

Atualmente, a oficina Nossa Senhora das Dores conta com 18 sócias operárias.

"A caridade é o processo de Somar Alegrias, Diminuir Males, Multiplicar Esperanças e Dividir Felicidade" (Emmanuel)

Nossa Senhora das Dores 1.jpgNossa Senhora das Dores 2.jpgNossa Senhora das Dores 3.jpg